Aprenda como estruturar a logística de transporte do seu negócio

Aprenda como estruturar a logística de transporte do seu negócio

Você fez uma compra online e o produto atrasou porque houve um problema com o veículo da transportadora. A sua encomenda, que você precisava para amanhã, só vai chegar na semana que vem. Essa situação ilustra o que ocorre com as empresas que desconsideram a importância da logística de transporte para a melhoria dos processos e a garantia de satisfação dos clientes.

Para se destacar no mercado atual, é preciso mais que a manutenção da frota de veículos e a oferta de menor preço. Os gestores devem estar atentos a todo o fluxo da cadeia logística, analisando estrategicamente os processos de movimentação, estoque e entrega de mercadorias. Com o auxílio da tecnologia, situações imprevistas, como acidentes e trechos interditados, podem ser solucionadas de maneira rápida e eficiente, evitando a entrega fora do prazo acordado com o cliente. 

Pensando em auxiliar na qualidade dos serviços de transporte do seu negócio, a Central do Frete preparou dicas importantes sobre como estruturar a sua logística de transporte, com economia de tempo e de recursos para garantir maior satisfação e reconhecimento por parte dos seus clientes. Continue a leitura e confira!

Dica: Calcular frete: como conseguir o melhor preço?

O que é logística? 

A logística é o setor responsável pela gestão dos recursos, assim como dos meios necessários para garantir a entrega de produtos. Desse modo, todo o fluxo de produção, desde a separação, a montagem e a movimentação de materiais, constitui o que chamamos de cadeia logística.

A logística de transporte é um dos processos dentro deste conjunto maior e sua função é promover a entrega de produtos de forma ágil e eficiente. Outros processos logísticos envolvem negociações com fornecedores, com a finalidade de garantir melhores preços e condições de pagamento, bem como a adoção de estratégias que definem a melhoria das condições de armazenamento de produtos. 

Entenda melhor o que é logística de transporte

É o processo que engloba tanto a movimentação quanto a entrega de materiais e de produtos. Auxilia também na definição do modal de transporte mais adequado para garantir a integridade da carga até o destino final. 

Imagine este exemplo: se o cliente precisa de uma medicação especial, especialmente desenvolvida para ele, mas que se encontra em outro estado, o transporte aéreo é a solução mais rápida, mas com o custo mais elevado. Já se o prazo de entrega for maior, é possível transportar a encomenda pelo modal rodoviário, que é mais demorado, mas com custo bem mais acessível.

Leia também: Logística de entrega: saiba como otimizar o processo

Fatores que envolvem a logística de transporte 

Para elaborar um planejamento adequado da logística de transporte, é fundamental a compreensão de conceitos que vão definir a melhor estratégia de ação do negócio. São eles:

Modal de transporte

O modal de transporte é o tipo de equipamento e meio mais indicado para a logística de transporte de produtos. Por exemplo, para cargas muito grandes e que não podem ser fragmentadas, o uso do modal hidroviário pode ser uma alternativa eficaz, pois ainda que seu custo seja elevado, os resultados serão mais eficientes que o modal rodoviário. 

Conheça cada um dos modais de transporte e as vantagens que oferecem:

  • Aéreo — sua maior vantagem é a rapidez para entregas urgentes, como de medicamentos, por exemplo. Em contrapartida, os custos altos restringem o uso desse modal em ampla escala, devido aos custos de manutenção de aeronaves serem bastante elevados. 
  • Ferroviário indicado para cargas de maior peso, como o minério de ferro e milho, por exemplo. A vantagem do modal ferroviário se concentra em fretes com valores atrativos e o atendimento de transporte entre longas distâncias. Por outro lado, o tempo para conclusão do processo é mais demorado, se comparado ao aéreo e rodoviário. 
  • Hidroviário — esta modalidade de transporte se aplica muito bem a contextos de importação e exportação de produtos, já que possuem amplo espaço para suportar cargas maiores. Organizadas em contêineres, é possível percorrer longas distâncias. No entanto, a agilidade não é a principal característica deste modal. 
  • Rodoviário — realizado por meio de veículos automotores, é um dos modais mais utilizados no território brasileiro devido ao seu custo acessível e à maior rapidez de entrega. É recomendado tanto para o transporte de produtos acabados quanto semiacabados, que precisam ser entregues em distâncias mais curtas. Um exemplo é o escoamento da produção de laticínios e carnes, em que o prazo de vencimento impossibilita o uso do modal ferroviário.
  • Dutoviário — realizado por meio de dutos, espécie de tubo pelo qual os materiais são submetidos a pressão até chegar ao ponto de destino. Permite o transporte de grandes quantidades de materiais em estado líquido, gasoso ou sólido por amplas distâncias. O custo de implementação compromete a popularização deste modal, já que é mais elevado e inviabiliza o seu uso em larga escala. Pode ser instalado tanto em ambiente subterrâneo como submarino.

Leia também: Transporte de encomendas: 9 dicas para escolher o frete ideal

Gerenciamento de frota

Para que a logística de transporte funcione corretamente, é necessário investir no gerenciamento da frota dos veículos da empresa. Para tanto, é importante elaborar o planejamento e o controle dos processos, a partir da análise de indicadores dos resultados atingidos. É preciso avaliar ainda as condições de uso e manutenção dos veículos, bem como se os meios empregados para o transporte estão otimizados. 

Ao observar a seleção das rotas adotadas, torna-se possível visualizar maneiras de otimizar os recursos por meio de rotas alternativas. O gerenciamento da frota contribui ainda para a redução de custos, como, por exemplo, gastos com combustível e pagamento de taxas. 

Algumas empresas optam por terceirizar os serviços de gerenciamento da frota, mas isso não significa que os gestores não devam entender sobre o seu funcionamento. Ao contrário, tal entendimento é a maneira de avaliar e manter o controle de qualidade sobre as operações desenvolvidas pela empresa terceirizada. 

Gerenciamento de estoque

O gerenciamento de estoque é uma das áreas que mais demandam a atenção dos gestores de empresas. Para manter uma gestão de estoque eficaz, a empresa deve organizar e controlar da melhor maneira o quantitativo de produtos armazenados.

Produtos que se mantêm em estoque por um longo período prejudicam a arrecadação de receita, sendo importante controlar o fluxo de entradas e saídas de forma otimizada. O gerenciamento de estoque auxilia a empresa a entender o seu mix de produtos, definindo os critérios de quantidade disponível. 

Ao estudar as demandas, é possível estabelecer quais produtos não podem faltar em estoque e quais devem ser mantidos em menor escala. Assim, as necessidades de compra também serão melhor utilizadas, reduzindo os gastos com o estoque. 

calcular frete

Como estruturar a logística de transporte no seu negócio

Agora que já conhecemos os conceitos apresentados no tópico anterior, vamos entender como estruturar adequadamente a logística de transporte do seu negócio, colocando em prática as dicas a seguir:

Comece pela análise da demanda

Para promover uma logística de transporte eficiente, não basta apenas fazer a manutenção dos veículos ou reelaborar os processos produtivos. É importante também analisar a demanda de produtos, a fim de efetivar o controle do estoque, dentro de uma estratégia equilibrada de oferta e de procura. 

A previsão da demanda é uma técnica que permite avaliar o cenário do mercado, por meio de pesquisas a respeito do comportamento de compra dos consumidores. Após esta etapa, é realizada a análise estatística dos dados, buscando identificar as melhores oportunidades e a correção de erros cometidos. Assim, é possível ampliar o fluxo das entregas, de acordo com as tendências do mercado. 

Conheça as características da mercadoria

É preciso ter conhecimento sobre as características da mercadoria, de modo a aprimorar a logística de transporte. Entendendo de maneira ampla como o volume e o peso podem influenciar na escolha do modal de transporte mais seguro e eficiente, ou avaliando os custos e a economia de recursos que cada modalidade oferece, o gestor tem à disposição informações valiosas para otimizar a gestão de transporte. 

Aspectos como dimensões da carga, seu valor, peso cubado e a fragilidade dos produtos são essenciais para analisar estrategicamente a forma mais eficaz de gerir a cadeia logística do negócio. 

Dica: Cubagem: entenda como é feito o cálculo

Faça uma gestão de estoque eficiente

A gestão de estoque tem muito a contribuir para a logística de transporte. Primeiro porque auxilia no controle do nível de mercadorias em estoque, evitando a manutenção ociosa de altas somas no almoxarifado. Segundo, porque favorece a saúde financeira do negócio, na medida em que os produtos com maior demanda estejam sempre disponíveis, em contraposição aos de menor saída. 

Para que isso aconteça, é necessário fazer a previsão da demanda, determinando a quantidade de mercadorias para o atendimento e em qual prazo. Além disso, é importante considerar fatores como a sazonalidade, as tendências de mercado e a gestão de compras. 

Use a tecnologia como ferramenta

A tecnologia é aliada fundamental para quem deseja se manter em sintonia com o mercado atualmente. No setor logístico, as ferramentas tecnológicas tornam o dia a dia mais dinâmico, e a equipe mais preparada para os desafios que aparecem. 

Por meio de softwares e plataformas, as empresas do setor de transporte conseguem solucionar problemas antes que se tornem ainda maiores. Podem realizar conferências online e tomar decisões a distância, bem como investir em inovação e desenvolvimento, tudo por meio de sistemas integrados. 

Leia também:  Como fazer uma gestão de frete eficiente?

Elabore o planejamento

Sem planejamento adequado, uma simples falha pode comprometer todo o processo da cadeia logística, tornando-se um problema de grandes dimensões. Por isso, é essencial planejar os objetivos que devem ser alcançados em logística de transporte, definindo as melhores estratégias de ação e como podem ser implementadas na prática. 

O planejamento confere ao gestor o suporte necessário para a análise dos processos, agilizando a identificação de fragilidades e auxiliando na busca por soluções eficazes. Com o passar do tempo, a tomada de decisões também se torna mais fluida e assertiva. 

Central do Frete: parceira na logística de transporte do seu negócio

A garantia do melhor atendimento em logística de transporte depende essencialmente de uma abordagem de gestão por meio da visão estratégica de mercado. Por isso, cada vez mais as empresas investem em aprimoramento contínuo, com o objetivo de oferecer serviços de transporte mais rápidos e eficientes.

Para elaborar a gestão logística e alcançar maior eficiência nos resultados, é fundamental analisar os dados, tomar decisões de forma assertiva, manter o equilíbrio no controle dos estoques e investir em ferramentas tecnológicas. 

A plataforma da Central do Frete oferece uma solução que permite a visualização e o controle de todos os processos da entrega de cargas, do início até o destino final. Por meio de tecnologia de ponta, disponibilizamos um sistema ideal para acompanhar o rastreamento das mercadorias em tempo real, durante todo o percurso. 

Se houver intercorrência, os especialistas da Central do Frete solucionam o problema, basta acionar o atendimento pela plataforma. Se você precisa otimizar a logística de transporte do seu negócio, conheça a solução da Central do Frete!

Deixe uma resposta