Conheça a melhor maneira de cotar transportadoras para e-commerce

Conheça a melhor maneira de cotar transportadoras para e-commerce

A explosão da demanda de compra de produtos na internet gerou impactos significativos na rotina de muitas transportadoras para e-commerce. Com o aumento das vendas online, o serviço de frete passou a ser ainda mais fundamental na medida em que completa a cadeia logística — ao realizar as entregas no endereço dos clientes. 

Mas para se atingir o êxito com o serviço de frete, é preciso considerar os aspectos que envolvem todo o ciclo do transporte, sendo a cotação do frete um dos fatores mais cruciais para garantir qualidade e melhor preço. 

A cotação de frete orienta a eficácia da gestão logística, pois é a partir da negociação das condições mais vantajosas que as empresas podem comercializar seus produtos e ter a garantia de obter resultados positivos em suas entregas. 

A Central do Frete, sempre em linha com as melhores soluções para a cotação de fretes, trouxe informações valiosas para quem deseja otimizar a entrega de encomendas, com preço competitivo e sem abrir mão da qualidade. Continue a leitura e confira!

Cotação de frete para e-commerce

Para realizar a cotação de frete de forma estratégica, é importante considerar os fatores envolvidos na rotina logística das empresas. Isso porque a melhor cotação pode levar tanto ao aumento da rentabilidade quanto à redução de custos operacionais. 

É possível também otimizar a execução dos processos, com economia de tempo e de recursos. Para tanto, é fundamental traçar o perfil das mercadorias a serem transportadas e contratar parceiros que vão contribuir para a maior satisfação dos clientes, além de se evitar erros e atrasos no prazo de entrega. 

As empresas de frete para e-commerce disponibilizam serviços cada vez mais ágeis e seguros, o que gera diferencial competitivo no mercado. 

Veja também: Calcular frete: como conseguir o melhor preço?

Fatores envolvidos no cálculo de frete 

Para a contratação de qualquer transportadora, o cálculo do frete pode ser influenciado pelos fatores dos tópicos a seguir:

CEP de origem e de destino

As empresas de frete para e-commerce vão considerar o CEP de origem da carga, bem como do seu destino para definir o cálculo de frete. 

Esta informação é relevante, pois distâncias maiores precisam de maior prazo para entrega, assim como de mais recursos para a execução do trajeto. E tudo isso influencia no valor final do serviço.

Leia também: Como fazer a entrega de produtos vendidos pela internet?

Peso da mercadoria

O peso da mercadoria embalada é outro aspecto que pode aumentar significativamente o custo com o transporte. Encomendas em grandes dimensões podem ser mais pesadas e onerar o gasto com o frete. 

Para definir se o peso compensa o valor do transporte, é necessário analisar com atenção este fator, para evitar contratempos com alto custo e redução dos ganhos.

Dimensão da embalagem

A dimensão da embalagem contribui para o aumento do preço do frete, à medida que a relação entre altura, largura e comprimento da encomenda aumentam. Quanto maior o tamanho da mercadoria, maior o custo para seu transporte. 

Muitas transportadoras usam tabelas de valores de referência para a cobrança pelos seus serviços, e o tamanho da carga é um fator que pode interferir consideravelmente no preço final. 

Peso Cúbico

O peso cúbico é uma medida que melhor distribui o valor do frete, a partir do peso e do volume que a encomenda ocupa no veículo de transporte. Por exemplo: um objeto mais leve e com dimensão maior, vai ocupar mais espaço no carro, o que justifica uma cobrança elevada por este espaço no valor do frete. 

Para as transportadoras para e-commerce, o peso cúbico evita que o espaço disponível no veículo seja desvalorizado, dependendo da carga a ser transportada.

Veja também: Cubagem: entenda como é feito o cálculo

Prazo de entrega

O prazo de entrega é um ponto sensível para o serviço de frete. O prazo normal é geralmente o mais usado pelos consumidores, mas demora mais tempo para a entrega da encomenda. 

Para quem não gosta de esperar, as transportadoras para e-commerce oferecem a opção de entrega expressa, que possui custo maior, mas em compensação reduz significativamente o tempo de espera. 

Se a encomenda for urgente, a entrega expressa é a mais viável, pois impede que o produto perca as condições ideais de uso, devido ao maior tempo gasto com o seu transporte.

calcular frete

Tipos de frete no e-commerce

Frete econômico

O frete econômico possui custo menor, em comparação com outras modalidades de frete. Porém, o prazo de entrega é bem maior, o que pode gerar ansiedade nos clientes que aguardam pela entrega. 

Por isso, as transportadoras para e-commerce devem oferecer outras opções, já que nem sempre o consumidor está disposto a esperar tanto para receber a sua encomenda. 

Frete expresso

O frete expresso possui prazo de entrega menor, mas o preço do frete é mais elevado. Sendo assim, este tipo de frete se adapta para encomendas que não podem esperar tanto tempo para a entrega, como medicamentos e produtos perecíveis. 

Também é opção para clientes ansiosos, que preferem pagar mais do que aguardar muito tempo para receber a mercadoria. As transportadoras mantêm esta modalidade sempre à disposição dos seus clientes, tornando possível a urgência na entrega. 

Leia também: Frete em São Paulo: saiba onde e como cotar

Frete grátis

O frete grátis é, sem dúvidas, o queridinho dos clientes acostumados a fazer compras pela internet. Para as transportadoras para e-commerce, no entanto, é preciso ponderar bastante a oferta deste tipo de frete, pois pode acarretar prejuízos ao negócio.  

Alternativas viáveis são conceder o frete grátis para aquisições acima de determinado valor, ou então para entregas em regiões definidas estrategicamente — devido à sua maior proximidade ao centro de distribuição. 

Frete fixo

O frete fixo é alternativa que se encaixa adequadamente para conquistar mais clientes, sem que seja preciso oferecer o frete grátis. Grande parte das empresas visualizam o potencial de determinada fatia do mercado e direcionam a venda de alguns produtos para certas regiões com fretes de valor fixo. 

Assim, o custo de transporte torna-se mais atrativo para os clientes, ao mesmo tempo em que a empresa não precisa arcar com os gastos advindos da gratuidade do frete. 

Logística reversa

Nem sempre a entrega de uma encomenda determina o fim da cadeia. A logística reversa ocorre quando, por motivos variados, o cliente devolve o produto para a loja online. 

Seja por defeito do produto ou por tamanho inadequado, ou porque o cliente desistiu da compra e quer fazer a devolução da mercadoria,  a logística reversa garante que o produto retorne para a empresa.

Como melhorar a cotação de frete no e-commerce?

Confira a seguir 2 dicas para melhorar a cotação de frete e otimizar a entrega dos produtos vendidos no seu e-commerce:

Mensurar o frete do seu negócio

Você considera o frete do seu negócio ideal em relação aos lucros? É importante analisar se os gastos com o frete não estão sobrecarregando o faturamento total de suas vendas. Para isso, calcule a porcentagem dos custos em relação ao faturamento.

Se o resultado estiver entre 10% a 15%, então você está gastando o suficiente com os fretes. Se o cálculo estiver muito acima deste limite, é hora de mudar a sua estratégia. 

Uma análise nos preços dos fretes praticados pela concorrência, nas mesmas condições de transporte, também ajuda a repensar o que pode ser feito para melhorar os índices. 

Leia também: Transporte de encomendas: 9 dicas para escolher o frete ideal

Comparar preços e qualidade de diversas transportadoras

A comparação de preços, assim como da qualidade entre diferentes transportadoras na hora de fazer a cotação de frete é uma alternativa que pode reduzir sensivelmente os custos de transporte  para  produtos de e-commerce. 

Dentre as várias opções oferecidas no mercado, é importante avaliar qual prestadora melhor se adequa aos objetivos do seu negócio. Para isso, vale conferir a possibilidade de pagar pelo serviço que melhor atende a sua demanda com custo mais acessível. 

Conclusão

A rotina de um gestor é repleta de funções, o que dificulta a execução de todos os processos de maneira produtiva. Assim, é importante que parte das funções sejam devidamente delegadas, garantindo a melhoria dos fluxos de trabalho. 

O gestor deve principalmente se manter atento às novas metodologias, pois viabilizam o direcionamento das energias para outras funções, otimizando as etapas de execução e controle. A cotação de frete realizada manualmente é uma dessas tarefas, que pode exigir tempo considerável do gestor ou da equipe até que seja concluída. 

A Central do Frete oferece um sistema de base tecnológica altamente eficaz, que possibilita o cálculo do frete em diferentes transportadoras, sem complicação e com toda a segurança para a sua empresa.

Conheça agora nossa plataforma e otimize ainda mais a forma como você entrega os pedidos vendidos no seu e-commerce.

Deixe uma resposta