Gestão de fretes: As responsabilidades no processo logístico

You are currently viewing Gestão de fretes: As responsabilidades no processo logístico

Neste artigo falaremos sobre, Gestão de Fretes: As responsabilidades no processo logístico.

As plataformas de gestão de fretes, são ferramentas relativamente novas e como acontece com toda novidade, as dúvidas são muito comuns , neste artigo pretendemos abordar este assunto polêmico e que gera muitas discussões, de uma maneira clara e direta, as responsabilidades de cada um dos envolvidos no processo de transporte de cargas, talvez isso mude a forma como enxergue as plataformas de gestão de fretes e  mude a maneira de agir em relação ao gerenciamento de seus fretes.

A confusão em relação as responsabilidades

Muitos embarcadores confundem o suporte que as plataformas disponibilizam com a responsabilidade no processo de transporte que é compreendido desde a coleta até a entrega, é comum embarcadores fazerem a contratação achando que tudo vai ocorrer perfeitamente, porém infelizmente não é bem assim que as coisas vão acontecer.

Os problemas inerentes ao mundo dos transportes estão aí para provar que esse setor ainda não chegou à perfeição, podemos dizer sem medo de errar que 100% das transportadoras do Brasil em maior ou menor intensidade ainda apresentam falhas em suas operações,

 Quais são as ocorrências mais comuns?

– Atraso na Coleta
– Atraso na Entrega
– Extravio
– Destinatário Ausente/Não Encontrado
– Entrega com avaria
– Cobranças de Taxas extras por demora na entrega ou por dificuldade de acesso

 Quais são os motivos causadores das ocorrências?

As ocorrências ocorrem pelos mais variados motivos, são eles:

– Frota quebrada
– Falhas sistêmicas
– Catástrofes naturais
– Problemas com funcionários ou terceiros
– Problemas no momento da coleta
– Problemas no momento da entrega
– Desencontros com destinatários

E afinal, quem responde por essas ocorrências?

Como vimos logo acima, as ocorrências são as mais variadas possíveis e os motivos também e e isso foge do controle absoluto por parte das plataformas de gestão de fretes, portanto as responsabilidades devem ser divididas entre: embarcador, plataforma de gestão de fretes, transportadoras e destinatários, todos são atores importantes e suas ações positivas são fundamentais para o sucesso da operação.

” Não podemos e não devemos nos envolver diretamente na solução das ocorrências, pois cada transportadora possui o seu processo, todos são bem claros e definidos , portanto o ideal é que elas ofereçam a melhor solução para cada ocorrência, cabendo a nós deixar o embarcador sempre ciente do que está acontecendo  e quais devem ser  os próximos passos, além é claro de acompanhar junto a transportadora e destinatário até a finalização do serviço.” afirma Thiago F. Swistalski – CEO da Central do Frete.

 

Índice:

Quais são as responsabilidades das plataformas de cotação de fretes?

As plataformas de cotação de fretes nascem com com os propósitos bem definidos:

– Realizar a seleção dos transportadores que irão ser apresentados no momento da cotação.
– Realizar a monitoria dos serviços prestados pelos transportadores parceiros.
– Negociar tabelas para que em todos ou na maioria dos casos o embarcador consiga valores de frete abaixo do que se contratassem diretamente com as transportadoras.
– Agilizar o processo de cotação de frete.
– Agilizar o processo de contratação do frete, já emitindo o aviso de solicitação de coleta para a transportadora e entregando a confirmação com o número do agendamento.
– Facilitar a comunicação embarcador-Transportador, disponibilizando o contato direto em momentos de necessidades e em momentos que não couberem interferências.

 

Quais são as responsabilidades do embarcador?

– Contratar o frete somente após certificar-se de que sua carga e documentos fiscais estão prontos
– Embalagem resistente e que realmente proteja o conteúdo que está sendo transportado.
– Lacrar de acordo, se possível algo que se violado posse ser percebido.
– Monitorar se a coleta ocorreu no prazo ( 24/48 horas) e avisar para que providencias possam ser tomadas.
– Pagar as guias de impostos exigidos pelo governo
– Manter o destinatário bem informado.
– Gerenciar os seus fretes da melhor maneira, a fim de agir proativa em situações adversas.

 

Quais são as responsabilidades dos transportadores?

– Realizar o processo de coleta, movimentação interna, transporte e entrega com zelo, dedicação, cumprindo os prazos.
– Disponibilizar seguro para casos de acidente, roubo, avaria (caso não tenha termo de isenção)
– Atendimento e orientação ao embarcador

 

Quais são as responsabilidades dos destinatários?

A entrega da carga ao destinatário é a última etapa do processo, mas requer cuidados e atenção em alguns detalhes:

– Disponibilizar um responsável no local da entrega para realizar o recebimento(caso o transportador vá até o local e não encontre ninguém, além da entrega não poder ser realizada, será acrescida uma taxa ao valor do final do frete, conhecida como taxa de reentrega)
– Realizar a verificação das condições do carga (Verificar a nota fiscal, quantidade de volumes e o aspecto das embalagens, caso perceba algum problema aparente deve-se verificar se houve danos a carga em si, e em caso positivo, recusar ou aceitar com as devidas observações no documento de entrega e canhoto de nota fiscal).

Em resumo, você irá encontrar nas plataformas de gestão de fretes importantes aliados que lhe trazem rapidez e agilidade na cotação e contratação de seus fretes , porém quem deverá dar a melhor solução para os problemas que porventura aconteçam é a transportadora escolhida e contratada por você,  é importante se criar um processo interno de gerenciamento com base nas responsabilidades que acabamos de citar, a partir da solicitação de coleta até a efetivação da entrega, desta maneira poderá minimizar as chances de que algo de errado possa acontecer.

Conheça a plataforma da Central do Frete e descomplique o seu frete!

Equipe Central do Frete

A Central do Frete é uma plataforma de gestão de fretes online desenvolvida para simplificar os processos entre você e as transportadoras.

Deixe um comentário